Como a Betel atua na prevenção de riscos tributários?

O risco tributário pode comprometer a eficácia de sua empresa e em casos mais graves impede até mesmo a continuidade de seus negócios. É muito importante que você conte com uma gestão tributária eficiente, com controles adequados e conhecimento da legislação. Mas nada disso você precisa se preocupar quando conta com um contador que está atento a esses pontos para sua empresa. No caso da Betel, veja como fazemos: O primeiro passo é fazer uma comparação mensal do faturamento da empresa, avaliando até onde sua empresa pode ir e quais caminhos ou escolhas contábeis são mais vantajosas. Esse processo chamamos de comparativo tributário.


Nós fazemos isso geralmente em dezembro, uma vez por ano, para então tomar a decisão conjunta de enquadrar cada empresa no ano seguinte de maneira estratégica, que otimize a atuação, reduzindo custos tributários. O passo seguinte, então, é propor qual o enquadramento mais adequado e estratégico para a realidade de seu negócio. As três opções de enquadramento são: Simples Nacional, Lucro Presumido e Lucro Real. Cada uma contém uma série de regras, limites, condições, obrigações, benefícios e percentuais diferentes. É muito importante que a gente consiga fazer esse enquadramento de maneira clara e objetiva, de forma que o gestor da empresa entenda cada cenário e possa decidir conosco o melhor caminho a seguir. Simplificando o processo, nós trabalhamos com diversas ferramentas, de diversas formas, para não deixar com que essa parte tributária afete sua empresa. Essa questão de enquadramento gera muitas dúvidas. Se você tiver dúvidas, fale com a gente, que podemos te ajudar ainda mais. Lucas Gurgel CEO da Betel Contabilidade

3 visualizações0 comentário