04 dicas pra você aumentar a lucratividade da sua empresa.

Sei que você já sabe disso, mas é importante reforçar: Lucratividade é a relação entre receitas e despesas. X Esse conceito todo mundo que se aventura no mundo dos negócios entende.

Se seu custo é maior que suas receitas, você tem prejuízo.

Apesar de ser um conceito simples, as empresas não colocam em prática essas 4 estratégias básicas para aumentar a lucratividade . São 2 estratégias para trabalhar o aumento das receitas e 2 estratégias para atuar na redução das despesas.

1) Vender mais precificando melhor.

Se o foco é aumentar a receita, uma forma simples de fazer isso é vendendo mais. Mas não é tão simples assim. Você precisa precificar melhor. Em outras oportunidades falarei sobre isso de maneira mais detalhada, mas é importante que com o aumento de vendas você consiga manter ou reduzir os custos de vendas, para que a venda não te gere mais prejuízos.

2) Vender mais caro.

A segunda dica é vender um produto premium com valor agregado. Com isso você não precisa exatamente vender mais. Vendendo um produto premium você tem um ganho maior em cima de um produto. O segredo é aumentar a percepção de valor , para depois conseguir aumentar o seu preço. O aumento de preço vem sempre depois do aumento de valor percebido. Você aumenta seu valor percebido e, com isso, consegue aumentar o seu preço.

3) Reduza seu custos fixos.

Através de Robotização, Sistemas ou melhorias de Processos você pode reduzir seus custos fixos.

  • Ao invés de contratar uma pessoa, você pode contratar um robô?

  • O modelo de contrato de algum colaborador pode ser via PJ?

  • Um sistema de email marketing pode reduzir seus custos de comunicação?

  • É possível negociar o aluguel e outros contratos?

  • É possível negociar preços com fornecedores

  • Como conseguuir reduzir custo de energia?

Essas são perguntas que você precisa sempre fazer.

4) Reduza seu custo variável.

Chamamos de custos variáveis os valores que aumentam conforme também aumentam as vendas ou as produções da empresa. Ou seja, o aumento ou redução no número de itens vendidos impacta diretamente os gastos variáveis de uma empresa.

Nem sempre os gastos variáveis são os mesmos para todos os negócios. Mas algumas categorias aparecem frequentemente:

  • Matéria-prima.

  • Mão de obra.

  • Embalagens.

  • Comissões de venda.

É comum que, depois de saber um pouco mais sobre custos variáveis, empreendedores vejam ele com maus olhos. Afinal de contas, quanto maiores as vendas, maiores os custos variáveis. No entanto, não podemos nos esquecer também que quanto maiores as vendas, maior é a receita gerada.


Veja com mais detalhes através desse vídeo que gravei sobre esse assunto:



Lucas Gurgel CEO da Betel Contabilidade

5 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo